A Nike É Uma Marca Vegana?

A Nike é uma companhia transnacional que faz parte da indústria da moda desde 1980. Toda a gente conhece esta marca, sobretudo pelo calçado desportivo. Mas será que aquele par de ténis Nike que tanto gostas é vegano?

A resposta curta é não, pois a Nike não é uma marca vegana. No entanto, vende alguns produtos sem materiais de origem animal.

O veganismo remete para a eliminação da crueldade para com os animais, dentro do praticável e possível. Assim, faz sentido rotular uma marca como vegana se esta não utilizar matérias primas de origem animal, bem como, não contribuir ou financiar crueldade para com os animais.

Este artigo entra em detalhe sobre quais os materiais utilizados e onde são fabricados os produtos Nike.

Materiais Utilizados pela Nike

A Nike vende uma grande variedade de produtos de vestuário, calçado e acessórios, e por isso, a lista de matérias-primas é grande. Algumas são de origem sintética ou vegetal, outras têm origem animal.

Tênis Nike

Por ser tão conhecida pelo calçado, o couro é dos principais materiais de origem animal utilizados. Alguns casacos têm enchimento com penugem de pato e/ou ganso.

O couro é conhecido pela sua durabilidade, mas infelizmente é pele de origem animal. A maioria é feito a partir da pele de vaca, mas também pode ser pele de ovelha, porco, cabra, entre outros animais. 

É bom saber que ultimamente a marca tem lançado vários produtos fabricados com couro vegano e materiais reciclados. Por exemplo, o casaco Nike Sportswear Tech Pack é feito com 100% poliester e nylon reciclados; e os ténis Nike Air Force 1 ’07 LX contêm piñatex e cortiça.

Como Saber Se Os Ténis Têm Materiais de Origem Animal?

Saber se um par de ténis contem elementos de origem animal nem sempre é fácil, a não ser que a marca rotule se é vegano ou não.

Materiais de origem animal podem ser incluídos na parte de cima do ténis, na sola e também na cola adesiva que é utilizada na montagem.

Há duas coisas que podemos fazer:

  • Verificar os símbolos presentes na etiqueta

Símbolos dos materiais no calçado

Um símbolo em forma de tapete de couro significa que o item é de facto feito com materiais de origem animal. Um símbolo que se pareça com uma rede ou em forma de diamante representa materiais feitos pelo homem e à partida não contêm elementos de origem animal.

  • Contactar a marca

É necessário contactar a marca para saber se a cola adesiva é de origem animal. Historicamente, a cola para sapatos costumava ser feita de colagénio animal, um processo no qual ossos, peles, tendões, e tecido conjuntivo de animais eram fervidos.

Atualmente a maioria das empresas utiliza colas sintéticas mas ainda existem algumas que utilizam adesivos que contêm ingredientes animais.

Muitas vezes, empresas que têm uma cadeia de produção que não é totalmente rastreada, não sabem de que é feita a cola ou não têm certeza que é livre de elementos animais.

Ao questionar a marca sobre a cola, questiona também se o modelo de ténis que estás interessado em comprar é vegano. Assim ficas com a consciência tranquila em relação à tua escolha. 🙂

A Nike Utiliza Cola Adesiva de Origem Animal?

Existem muitos ténis da Nike que não são feitos com couro e que têm todo o potencial para serem considerados tecnicamente veganos. A questão que permanece é se a cola utilizada na construção dos ténis tem base animal ou não.

Para saber a resposta a esta questão entrei em contacto com a Nike. Felizmente os adesivos utilizados são sintéticos e livres de subprodutos animais.

Com a cola adesiva já não precisas de te preocupar. Ainda assim, antes de comprar certifica-te que nenhuma parte do ténis tem couro e se necessário confirma com a marca!

Os produtos da Nike são fabricados em 36 países/regiões num total de cerca de 458 fábricas. Isto inclui muitas fábricas em países de alto risco de exploração laboral.

Só na China são produzidos materiais em 42 instalações e produtos acabados em  103 fábricas. Atualmente existe confeção em 101 fábricas no Vietname, 34 na Indonésia, 24 na Tailândia, 18 no Sri Lanka, 16 no Camboja, 14 no Brasil, 8 na Argentina, 6 na Índia, 4 no Paquistão, 4 na Túrquia, etc.. Isto tudo sem contar com as instalações para produção de matéria prima.

Todos estes dados são disponibilizados pela Nike no seguinte website: Nike Manufacturing Map

Com produção em tantos lugares do mundo, e maioritariamente em países pobres, surgem várias questões. Sabemos que a Nike é uma marca americana, como controla a sua produção? Como garante que os trabalhores não sejam explorados e recebam um salário suficiente para que tenham uma vida digna? Como temos certeza que não foi uma criança ou um escravo que teve por detrás dos ténis que compramos?

Segundo a Good On You parte da cadeia de produção da Nike é certificada pelo Código de Conduta do Local de Trabalho da FLA. Este código tem como objetivo a promoção de condições de trabalho dignas. Ainda assim, não existe informação de que a Nike assegure o pagamento de um salário suficiente na maior parte da sua cadeia de produção.

Existe alguma informação sobre este e outros temas no website da Nike, tendo recebido uma pontuação de 55% no Fashion Transparency Index de 2021. Este índice seleciona 250 das maiores e mais poderosas marcas na indústria do vestuário e mede o que as marcas sabem e partilham publicamente sobre os direitos humanos e impactos ambientais na sua cadeia de produção/suprimento.

Que Marcas Pertencem à Nike?

A Jordan e a Converse são as outras marcas que pertencem à Nike, Inc..

Marcas com Ténis Veganos

Urban Flowers

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por Urban Flowers (@urbannflowers)

 

A Urban Flowers é uma marca inteiramente vegana e os seus produtos são fabricados no Brasil, em Rio Grande do Sul.

A empresa preocupa-se com a sustentabilidade e tenta produzir com o menor impacto possível. Todos os produtos são feitos com materiais reciclados como algodão, borracha, e couro vegano feito com garrafaS PET.

Por exemplo, os Mule são fabricados com tecidos de descarte de grandes indústrias calçadistas, tecido de garrafa PET reciclada e redes de pesca coletadas nas praias de Florianópolis.

Segundo o seu website, os sapatos são feitos à mão por pessoas valorizadas e com um salário justo.

A empresa tem também como lema o slow fashion. O calçado é produzido sob demanda, sem desperdícios ou fabricação de ténis que nunca vão ser vendidos.

Veja Shoes / Vert

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por VEJA (@veja)

 

A marca Veja não é 100% vegana porque utiliza couro em alguns dos seus ténis, mas vale muito a pena falar sobre ela pois tem feito um ótimo trabalho. É uma marca transparente, ética e mais sustentável. 

  • Diferencia quais os 121 ténis veganos – o website tem uma aba que mostra apenas os ténis veganos e são 121!
  • A marca é super transparente – tem toda a informação detalhada no seu website (em inglês), desde as matérias primas utilizadas, fornecedores, contratos com os fornecedores, preço pago por kg de matéria prima, salários e horas de trabalho das pessoas da fábrica, tudo! 
  • O algodão é orgânico – comprado a agricultores do Brazil e um do Peru – sabe tudo aqui;
  • A borracha é da floresta – comprada a agricultores do Brazil que lutam contra a desflorestação ilegal;
  • Utiliza materiais mais sustentáveis – poliéster reciclado de garrafas PET, algodão orgânico, algodão reciclado, couro vegano de algodão e milho.

Podes comprar na Europa sob o nome de VEJA e no Brasil sob o nome de VERT.

Nae Vegan Shoes

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por NAE Vegan Shoes (@naeveganshoes)

 

O nome diz tudo: NAE  – No Animal Exploitation – e por isso,  a marca é inteiramente vegana.

A confeção é realizada em 4 fábricas no norte de Portugal e 2 fábricas em Espanha.

São utilizados materiais como o piñatex, algodão orgânico, cortiça, PET reciclado e couro vegano.

Zouri

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação partilhada por ZOURI (@zouriveganshoes)

A Zouri é uma marca Portuguesa com produção em Guimarães!

A sola dos ténis e sandálias são feitos com borracha natural, cortiça e com plástico (lixo) recolhido em várias praias portuguesas – Esposende, Mira, Pedrogão, Porto e São Pedro de Moel.

Para as partes de cima a marca utiliza materiais como algodão orgânico, piñatex, linho, linho reciclado, cânhamo e couro de maçã.

Reflexão Final

A Nike fabrica vários ténis utilizando couro (pele) animal e por isso não é uma marca vegana.

As colas adesivas não contêm elementos animais, por isso existem alguns ténis que são totalmente livres de matérias primas de origem animal. Infelizmente, a partir do website não é fácil distinguir os ténis com e sem couro. 

Os problemas éticos que se relacionam com empresas como a Nike é uma das razões que leva veganos a manterem-se afastados mesmo que o produto seja tecnicamente vegano.

Estas empresas produzem maioritariamente em países onde o risco de abuso laboral é grande. Muitas vezes não conseguem traçar toda a cadeia de produção, nem garantir que tanto trabalhadores que fabricam o produto final como agricultures têm um salário digno.

Se optares por comprar ténis Nike certifica-te que na etiqueta não está ilustrado o símbolo do couro, e se tiveres dúvidas, contacta a marca.

Cláudia Reis

O meu nome é Cláudia e tornei-me vegana há cinco anos. Tenho licenciatura em fisioterapia, adoro viajar e aprender sobre o corpo humano, veganismo e sustentabilidade. O amor que tenho pela natureza leva-me a querer contribuir para a liberdade e bem-estar animal.

Glutamina É Vegana? 4 Suplementos De Glutamina Veganos
Previous Post Glutamina É Vegana? 4 Suplementos De Glutamina Veganos
A Bebida Energética Baly É Vegana?
Next Post A Bebida Energética Baly É Vegana?